GomaSul

História da Borracha

  • GomaSul História da Borracha 01
  • GomaSul História da Borracha 02
  • GomaSul História da Borracha 03

A borracha natural é um produto resultante do processo de coagulação do látex, substância extraída de algumas árvores tropicais e semitropicais, em especial a Seringueira (Hevea Braziliensis). Em 1493, a tripulação de Cristóvão Colombo já tinha observado nativos do atual Haiti brincarem com bolas que “ao tocarem o solo subiam a grande altura”, formadas por uma goma chamada Caoutchouc (que em língua indígena, significa “árvore que chora”). Na Europa, o material dessas bolas foi chamado de “borracha”, pois foi utilizado em substituição às “borrachas” de couro que serviam como recipiente para bebidas.

Em 1839, Charles Goodyear, ao respingar uma mistura de borracha e enxofre na chapa quente do fogão, notou que a borracha não fundia mais e resolveu pesquisar a fundo as misturas com enxofre. Algum tempo depois, surgia a borracha vulcanizada, nome atribuído em homenagem a Vulcano, deus romano do fogo.

Como o produto obtido na vulcanização era um material elástico e impermeável, com alta resistência ao desgaste, a borracha aos poucos tornou-se indispensável à indústria moderna. O extraordinário avanço na industrialização da borracha ocorreu a partir de 1888, quando Dunlop inventou o pneu para bicicleta, e alguns anos mais tarde, com o surgimento de pneus para automóveis.

Durante a I Guerra Mundial, os alemães, preocupados com um possível desabastecimento de borracha natural e sua fragilidade para determinadas aplicações, partiram para o desenvolvimento de borrachas sintéticas. Desse desenvolvimento, surgiram inicialmente as borrachas estireno-butadieno (SBR) e nitrílica (NBR) e foram utilizadas para fins exclusivamente militares, por sua resistência a abrasão e a óleos e graxas, respectivamente.

A descoberta desses primeiros elastômeros sintéticos foi um dos passos mais significativos para o desenvolvimento de inúmeras outras borrachas sintéticas que dispomos atualmente, bem como ingredientes cada vez mais elaborados para fins específicos, dando aos formuladores de borracha liberdade para criar compostos para artefatos de excelente qualidade e custos mais baixos.